sexta-feira, 22 de junho de 2012

A Paciência de Jó


Áudio: Paciência


O livro de Tiago é um livro escrito para aqueles que já confessaram a Jesus Cristo como Senhor e Salvador e já receberam a vida eterna.

Desse modo todo livro é uma “Exortação” aos crentes. Uma carta escrita num período onde os cristãos estavam sendo expulsos da sua própria cidade, devido a sua fé.

Surgiu um político romano, chamado Nero, conhecido por sua “Sagacidade e crueldade”. Nero foi associado a um tirano extravagante. Ele matou cruelmente sua própria mãe e irmão. Nero havia declarado guerra contra todos os cristãos.

Jerusalém estava em caos, a cidade havia sido incendiada. A capital de Israel e havia sido destruída pelos romanos

Os cristãos tiveram que... Na gíria popular, “Vazar”, porque a coisa ficou “Preta”. Ou seja, eles tiveram que “Fugir”.

É justamente nesse período que os cristãos de origem judaica tiveram que sair da sua capital.

Veja Tiago 1.1 “Tiago, servo de Deus e do Senhor Jesus Cristo, às doze tribos que se encontram na Dispersão, saudações”.

Essa palavra “Dispersão” significa exatamente isso, os cristãos de origem judaica que fugiram por causa da perseguição.

E todo o livro de Tiago traz essa “Exortação”... A exortação de continuarem dando evidencias de que são verdadeiros discípulos de Jesus, mesmo diante das duras aflições.

Desse modo, quando chegamos ao capítulo cinco ele começa traçar as dificuldades oriundas das classes operárias.

Percebemos uma crise “Capitalista”. Onde os empresários, onde os donos de terra, os senhores, estavam extorquindo os trabalhadores...

Os ricos estavam exercendo controle tirano sobre os pobres. Eles (os pobres) estavam sofrendo na mão de seus senhores.

Tiago é muito claro em demonstrar a censura divina com relação às riquezas que são adquiridas e empregadas de forma desleal e desonesta.

Principalmente quando o enriquecimento é baseado na opressão desnecessária para com aqueles que oferecem a mão de obra, os trabalhadores.

Veja o texto: Tiago 5.4 “Eis que o salário dos trabalhadores que ceifaram os vossos campos e que por vós foi retido com fraude está clamando; e os clamores dos ceifeiros penetraram até aos ouvidos do Senhor dos Exércitos”.

Então, após essa advertência contra os ricos e tiranos. Ele rapidamente começa introduzir uma linha de raciocínio para encorajar esses crentes a “Suportar as aflições”...

Então destaca uma virtude cristã que precisa ser: Desenvolvida... Cultivada... Usada.

Que é a “Paciência”. É exatamente essa virtude que Tiago começara a trabalhar com seus ouvintes dispersos por causa da perseguição

Para Tiago a “Paciência” é a melhor resposta em tempos de aflição. Assim sendo vamos estudar:

As recomendações de Tiago sobre paciência

1ª Recomendação: devemos ser pacientes por causa do fruto

Tiago 5.7 “Sede, pois, irmãos, pacientes, até à vinda do Senhor. Eis que o lavrador aguarda com paciência o precioso fruto da terra, até receber as primeiras e as últimas chuvas”.

Qual é o fruto tanto esperado por qualquer lavrador? É uma safra gorda. É uma safra boa. É uma safra onde se estoca muito produto. É uma safra proveitosa

O que é um lavrador? Lavrador é um agricultor. É alguém que planta e colhe. É alguém que trabalha na lavoura. É um cultivador. É alguém que trabalha obtendo frutos da terra. Caim era um Lavrador. Ele buscava o seu sustendo da própria terra. Uma das profissões mais admiráveis com certeza é de um agricultor

Um bom lavrador é aquele prepara a terra para receber o plantio. Ele vai adubar a terra... Ele vai preparar a terra... Ele vai buscar recursos para temperar a terra... Ele vai condimentar o solo...

Hoje em dia temos muitos recursos para uma terra fértil. Apesar de que muito usam agrotóxicos... Há aqueles que se fazem valer de uma boa adubação, com produtos naturais.

Entretanto... Mesmo que você seja o maior lavrador... Mesmo que você seja um especialista em adubar a terra... Mesmo que você seja o agricultor mais bem sucedido...

Isso não tem valor nenhum, se não tiver “Chuva”. A chuva é o elemento que está fora do lavrador... A chuva é o elemento que está além do lavrador... Não depende dele... Não depende de técnicas... Não é uma questão se o tal é o não é um bom lavrador... A chuva não depende do lavrador...

Apesar de que muitos índios inventaram a “Dança da chuva”. Isso é muito interessante. Porque é um tipo de dança ritual que é habitualmente executada em certas comunidades com a finalidade de propiciar chuvas para a colheita.

A chuva é o único elemento que está fora do alcance do lavrador. Desse modo não basta, apenas ser um agricultor competente. Ele precisa da chuva, senão ele perde completamente o seu trabalho.

Então o bom lavrado, também precisa saber cultivar a paciência. É justamente nesse ato de esperar, que encontramos a “Recomendação de Tiago aos cristãos”,

Você sabia que existem coisas na vida, que não depende da gente. Existem coisas que por mais que você busque, não depende de você.

Você pode espernear, a gente pode ficar bravo, a gente pode irritado...  Mas não vai mudar em nada, porque tem coisas que está além de nós, não depende de você.

E para um “Lavrador” a chuva é um desses elementos que está fora do seu alcance, está fora da sua alçada, não depende dele, tem que esperar.

E quando a chuva vem, é aquela alegria... Pois agora a terra poderá produzir seus frutos. A terra vai responder toda aquela preparação. A terra vai dar seus frutos. E o Agricultor vai regozijar, pois a safra tanto esperada virá.

Assim também é na vida cristã! Veja novamente o texto: Tiago 5.7 “Sede, pois, irmãos, pacientes, até à vinda do Senhor. Eis que o lavrador aguarda com paciência o precioso fruto da terra, até receber as primeiras e as últimas chuvas”.

Tiago usa o exemplo do bom lavrador... Aquele que não está de braços cruzados... Aquele que está fazendo a sua parte...

Mas ele é cônscio que o resultado vem de Deus. Somente Deus pode trazer o resultado esperado. Não depende o quão hábil você seja. Não depende o quão você esperneia, brigue e fique irritado. Está fora da sua alçada, do seu alcance. Tem que aprender esperar.

O fruto é aquilo que o lavrador espera. E nós? Nós como crentes aguardamos a volta do Senhor.

Se existe algo para se esperar é o Retorto de Cristo para buscar sua igreja. Não existe maior esperança. A sua paciência deve findar na volta de nosso Senhor

Porque é exatamente com o seu Retorno de Cristo é que o a nossa alma vai deleitar perfeitamente. Seus anseios serão respondidos. Seus medos serão apagados. Suas aflições serão apaziguadas

Não importa qual seja a sua dor, não importa o quão grande seja a sua aflição. Espere em Deus! Tenha paciência!

2ª Recomendação: devemos ser pacientes por causa da justiça

Tiago 5.8-9 “Sede vós também pacientes e fortalecei o vosso coração, pois a vinda do Senhor está próxima. Irmãos, não vos queixeis uns dos outros, para não serdes julgados. Eis que o juiz está às portas”

Irmão, o que temos de crentes encrenqueiros, crentes briguentos, fanfarrões... Tem crente que é igual briga de galo, não para até que alguém aparta o infeliz. Eu já vi crentes brigarem na rua. Eu já vi crentes brigarem em casa. Eu já vi crentes brigarem na igreja.

Irmãos, isso não é conveniente aos santos, não seja um “briguento”. Eu já vi crente discutir no transito. Eu já vi crente bater boca no portão de casa. Eu já vi crente dá no filho, no meio da rua.


Irmãos, Isso não lhe trazer benefícios algum. Existem meios pelos quais você pode obter melhores resultados

Não vamos brigar não fazer confusão, porque a nossa esperança não está nessa vida é o Senhor a nossa justiça.

Como é que Tiago diz que o Senhor virá? Veja o texto novamente: Tiago 5.8-9 “Sede vós também pacientes e fortalecei o vosso coração, pois a vinda do Senhor está próxima. Irmãos, não vos queixeis uns dos outros, para não serdes julgados. Eis que o juiz está às portas”

Tiago diz que Jesus virá como Juiz. É justamente nessa esperança que aguardamos o salvador

Porque você acha que Tiago falou para “Fortalecer o vosso coração”? Porque a tentação é muito grande pra senta o braço quando somos injustiçados. Porque a tentação é muito grande pra dá um ponta pé, quando somos injuriados. Porque a tentação é muito grande pra duelarmos com a língua (E Tiago fala muito sobre isso nesse livro), falando mal dos outros

Fortaleça o seu coração na esperança aguardando o justo juiz. Se existe alguma coisa pra você se firmar é a esperança no justo Juiz. Você não consegue fazer justiça. Você consegue sim vingança.

Então, Tiago refere-se ao dia do Juízo, quando, todas as pessoas serão descobertas e serão postas perante o justo juiz. A nossa esperança não está em nossa força física, Ou na habilidade intelectual. A nossa Esperança está naquele que Julga a todo retamente.

Se você tem sido lesado, se você tem sido injustiçado. Espere em Deus meu irmão, ele fará justiça. Seus bens materiais, seus recursos adquiridos, não tem valor nenhum no tribunal do Senhor. Sua esperança deve ser apenas o Senhor, o justo juiz!

3ª recomendação: devemos ser pacientes por causa daqueles que também sofreram

Tiago 5.10-11 “Irmãos, tomai por modelo no sofrimento e na paciência os profetas, os quais falaram em nome do Senhor. Eis que temos por felizes os que perseveraram firmes. Tendes ouvido da paciência de Jó e vistes que fim o Senhor lhe deu; porque o Senhor é cheio de terna misericórdia e compassivo”.

É muito interessante essa habilidade de Tiago, em buscar na história de Israel esses personagens. Tanto os profetas como Jó têm muito a nos ensinar

Todos nós sabemos que não foi fácil ser um profeta de Deus no Antigo Testamento. O povo era rebelde. Os sacerdotes eram rebeldes. Os reis eram rebeldes. Os inimigos eram rebeldes

Como o Senhor Deus disse varias vezes: Povo de dura cerviz. Coração obstinado. Povo rebelde.

Tiago diz que esses homens foram felizes porque permaneceram firmes. Firmes em que? Firmes na paciência! Eles em meio às lutas... Fazendo o certo... Buscando fazer a vontade de Deus... Eles perseveraram na paciência
Jó, outra referencia usada por Tiago não era um operário, não era alguém que pertencia a essa classe de trabalhadores...

Pelo contrário, Jó era um homem rico, e muito rico por sinal. Ele era dono de terras e de gado...

Mas que veio a ficar pobre, muito pobre, foi até a miséria, com problemas familiares, com problemas de saúde, com problemas financeiros.

E é justamente nesse quadro de aflição e de miséria é que Deus começou a trabalhar com Jó.

E Tiago é muito feliz, porque foi buscar nesse personagem um exemplo, um modelo para que venhamos imitar.

Tanto os profetas que falaram em nome do Senhor, quanto Jó um crente devoto e sincero tiveram lutas pessoais.

Mas tiveram paciência. Pois eles sabiam que o Senhor é misericordioso e compassivo. Misericórdia é aquele ato divino de socorro que vem ao encontra de que está em miséria. Compassivo é aquele ato divino de compaixão que vem em busca para confortar o aflito.

É justamente esse Deus na qual os profetas e Jó, depositavam sua esperança. Vale a pena ter esperança nesse Deus. Pois ele virá a teu socorro. Espere em Deus.

Veja esses homens que tiveram lutas, mas aprenderam esperar no Senhor.

Conclusão: Sabemos que muitos crentes estão cercados de problemas e aflições, Muitas vezes sendo intimidado por pessoas sagas e cruéis. Tiago ao escrever essa carta ele sabia da luta que é permanecer firme, pois ele estava inserido no mesmo contexto do qual ele buscava confortar seus ouvires. A paciência é a melhor resposta em tempos de aflição. Receba essas recomendações: Os frutos, o juiz, e as muitas pessoas que perseveraram nessa jornada.


Pr. Mário Botão (Essa meditação surgiu de um bom bate papo com meu filho e amigo de ministério, Alex)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário